Postagens

Mostrando postagens de 2018
Imagem

Estação das Docas...Belém Pará

Imagem

Minha terra tem palmeiras onde brota o açaí

Imagem

Orla de Icoaraci by me

Imagem

Penha Longa Pará by me

Imagem

Aquário Guará Park by me

Imagem

Aquário Guará Park by me

Imagem

FOTOGRAFIAS....HOBBY

Imagem

AUTORAL 1 INQUIETOS CATAVENTOS GILBERTO FELINTO

Imagem

MEU FACE E MINHA FACE

Imagem
Postei partitura de quialterado ,
mas meu coração tem compasso quadrado.
No meu Facebook um sorriso emprestado ,
esconde as dores e a cores repinta,
o meu preto e branco
de encanto dobrado.

O Instagram define minha estética .
Quem me ama nem vive a meu lado.
Pois o meu Up grade emprestado
é so ilusão dessa ótica sem ética

Minha ilusão suplantou minha vida.
Eu vendo o emblema da felicidade.
Nem sei o que sou de mentira ou verdade.
Um like não  basta a fechar a ferida.

Sou vida ,sou febre, me ferve aventura.
Dormida ,velada, embalada, gelada.
Vendida a granel Rapunzel de candura.
Artificial de ilusão maquiada.

Feliz aquele que em si encontre,
a fé colossal em si perdida.
Quem não te conhece que te compre,
refaça o canal e emposte a vida.

  Gilberto Felinto.

VAGO E PLURAL

Imagem
Nesses confins há reticências
víveres ourives e afazeres
os vagalumes,lanca-perfumes,aos - bel-prazeres.

Os joões-ninguém e os tudo tem,
os louva-a-deus dizendo amém,
salvos-condutos desses
insossos.

pés-de-moleque nos vaivéns,
dão pontapés viram reféns,
nos quebra-quebras, curtos e grossos.

os vai-e-volta os leva-e-traz,
os caga grosso tem o endosso desses omissos,
o osso nosso de cada dia ,
a covardia estapafúrdia e arredia,
a melodia dos padres-nossos.

             Gilberto Felinto.

SANGRANDO AQUARELAS

Imagem
você pode ter fé
ou ir a pé em passarada.
a mente positiva
ou a voz ativa...
mas lembre nunca é
ou tudo ou nada.

me diga com quem andas
e eu digo se desandas.
se segues absorto...
teu passo é morto.
teu penso  torto.
no claudicar conclamas
combalida.

A voz se faz a vez se o verso chama...
se a chama acende a tez e o sol derrama.
A cor perde o sabor a luz a fama
se o  vórtice da voz vaga é tirana .

o rastro assim deixado é tua vida.
se foste assim ou assado...
o caldo em te coado te revela.
se o canto é refogado,
se queres te servir me a cabidela
em penne e  aspargo ..
que pinte de aquarela o sangue amargo.

                 Gilberto Felinto.

Imagem
Imagem
Imagem